Páginas

quarta-feira, 13 de abril de 2011

FIFA 12 quer ser mais do que um jogo de futebol, afirma produtor.

Img_normal
Em entrevista para a Official PlayStation Magazine britânica, David Rutter, produtor de FIFA 12, afirmou que a Electronic Arts quer entender a paixão dos torcedores pelo futebol, e ir além de ser um simples jogo. “Queremos que [os jogadores] vibrem com o retorno de um ídolo do passado, ou fiquem irritados [ao sofrer uma falta]”, afirma.
Para ele, o primeiro passo para esse fim é uma melhoria na inteligência artificial, bem como uma melhoria no sistema de personalidades dos jogadores, com os membros do time controlados pelo computador acompanhando essa evolução. Além disso, fundamentos do jogo também serão revistos.
Outro ponto de atenção são as interrupções na partida que, de acordo com Rutter, causava frustração em alguns jogadores. Em FIFA 12, deve ser possível repor a bola pela lateral sem pausas determinadas pelo árbitro, ou selecionar rapidamente os batedores de falta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário